quinta-feira, 25 de setembro de 2008

Ser o Sol

Vem,
Te direi em segredo
Aonde leva esta dança.
Vê como as partículas do ar
E os grãos de areia do deserto
Giram desnorteados.
Cada átomo
Feliz ou miserável,
Gira apaixonado
Em torno do sol.
Rumi

2 comentários:

Namasté disse...

Lindo este poema.
Sublime o seu trabalho
Parabéns, que a Luz Cósmica seja sempre seu guia.
A.

Anônimo disse...

Fico feliz em saber que sua dança é a dança dos corpos humanos e celestes para o buraco negro da invenção.